Jornal Goiás Em Foco - O Jornal Digital de Goiás

Quarta, 22 de setembro de 2021
MENU

Últimas Notícias

Moto com escapamento adulterado na mira da polícia em Goiás 

Infração prevista no artigo 230 do Código de Trânsito Brasileiro

220
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Motocicletas adulteradas são alvos de fiscalizações em todo o estado. Condutores retiram escapamentos originais, substituindo por acessórios que criam maiores ruídos, causando desconforto por conta da poluição sonora. A polícia militar tem fiscalizado esses condutores, que flagrados, são notificados e seus veículos encaminhados para o pátio.

Na região noroeste de Goiânia, moradores reclamam da quantidade de veículos com escapamentos esportivos, outros perfurados manualmente para a confecção dos ruídos. Idosos, crianças de colo, e pessoas com transtorno do espectro autista (TEA), são as que mais sofrem com o excesso de barulho gerado por esses veículos. 

Os infratores não respeitam nem mesmo hospitais, creches e escolas, e promovem o famoso (Corta Giro), gíria usada entre eles, na ação de acelerar a motocicleta até o último estágio do motor, elevando os ruídos a níveis extremos, chegando ao ponto de acontecer explosões  similares de uma arma de fogo. 

Em Aparecida, a polícia militar tem trabalhado diuturnamente para conter esses motociclistas, com base no artigo 230 da lei de número 9.503 de 23 de setembro de 1997 referente a adulteração das características do veículo. Mas devido a grande quantidade de infratores no município, a polícia tem dificuldades nas operações e necessita da parceria com os órgãos de trânsito municipais. 

Em Hidrolândia, cidade da região metropolitana da capital, a tolerância é zero para a prática, e qualquer condutor que tente promover a poluição sonora através de veículos, é notificado e tem seu bem removido para o pátio, em casos mais graves, podendo até mesmo responder pelo crime de perturbação do sossego, artigo 42 do código penal brasileiro - CPB, destacou o Capitão Thiago Freitas, Subcomandante do 8º Batalhão, responsável pela região.

  

A função do escapamento 

 

Escapamento, cano de descarga, ou tubo de escape, é responsável por eliminar os gases produzidos pelo motor durante a queima do combustível, além de reduzir a poluição sonora e melhorar o desempenho do veículo. O escapamento também é um importante item, tendo em vista que ele em perfeitas condições, colabora na diminuição da poluição ambiental, não deixando que fumaças e gases in natura sejam lançados na atmosfera. A retirada ou adulteração deste  mecanismo, faz com que o veículo crie ruídos acima do permitido pela legislação e aceitável por nossos ouvidos, como também na diminuição da qualidade do ar e desempenho do veículo.    



 

     Brunno Moreira

Jornalista ®0004120/GO

 

Fonte/Créditos: Jornal Goiás em Foco

Créditos (Imagem de capa): Reprodução

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!