Jornal Goiás Em Foco - O Jornal Digital de Goiás

Quarta, 27 de outubro de 2021
MENU

Giro de Notícias

Projeto leva arte para diversos pontos de Aparecida

O Arte em Toda Parte visa valorizar ainda mais o patrimônio público do município

Imagem de capa

Imagens

A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Prefeitura de Aparecida de Goiânia, por meio da Secretaria de Cultura, tem levado arte urbana em diversos pontos do município por meio do projeto Arte em Toda Parte. Com o objetivo de fomentar espaços estratégicos da cidade com trabalhos de artistas locais, tornando estes ambientes em uma galeria de arte aberta para todos, o projeto contempla inicialmente 20 espaços públicos que receberão as intervenções artísticas em diferentes regiões de Aparecida.

Conforme o cronograma, os artistas iniciaram nos murais de entrada do Estádio Municipal Aníbal Batista de Toledo, no Centro de Referência de Assistência Social Nova Cidade (CRAS) e na Escola Municipal de Educação Integral Wilsonina de Fátima (EMEI). Atualmente estão sendo concluídas a Escola Municipal Cora Coralina e a praça do Bairro Independência. Nos próximos dias, o projeto será executado nas escolas municipais Nova Olinda, Olentino Xavier da Costa, Valdir Gonçalves, no Centro de Artes e Esportes Unificados Orlando Alves Carneiro (Céu das Artes Vera Cruz), entre outros locais que ainda serão definidos.

O secretário de Cultura, Avelino Marinho, explica a importância de levar o projeto para toda a cidade. “Entendemos que a cultura e a arte são instrumentos poderosos de inclusão social e desenvolvimento das pessoas, além de agentes na prevenção de situações de risco e vulnerabilidade social.  O Arte em Toda Parte visa valorizar ainda o patrimônio público do município, dando maior visibilidade aos espaços urbanos contemplando vários pontos da cidade, além de valorizar o trabalho dos artistas locais”, destacou.

Avelino ressalta a importância de mudar os ambientes para que sejam mais atrativos e passem alguma mensagem ou história daquela área. “Serão diversos tipos de arte, em variados espaços públicos. O embelezamento do espaço será configurado conforme a comunidade, ou seja, cada lugar vai ter a sua particularidade em relação a linguagem visual ilustrada, indicando a questão da família, alguma identidade específica dos moradores daquela região ou o trabalho realizado naquele prédio público”, pontuou o secretário.

 

Fonte/Créditos: Por Rackel Vieira

Créditos (Imagem de capa): Enio Medeiros

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!