Jornal Goiás Em Foco - O Jornal Digital de Goiás

Quarta, 27 de outubro de 2021
MENU

Cidades

Dois anos após tragédia, centro para adolescentes infratores é desativado

"É um passo importante, não só porque vai impactar a condição dos adolescentes, mas também, por demonstrar uma nova nova diretriz”

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O Centro de Internação Provisória (CIP) de Goiânia será totalmente desativado, nesta segunda-feira (1º). Segundo informações do Ministério Público de Goiás (MP-GO), o órgão foi informado por ofício da secretária estadual de Desenvolvimento Social (SEDs), Lúcia Vânia. O fechamento faz parte do cumprimento de um termo de ajuste de conduta (TAC) firmado em 2012. O local, há cerca de dois anos (25 de maio de 2018), foi palco de uma tragédia, que vitimou dez adolescentes em um incêndio.

Ao Mais Goiás, a promotora de Justiça e coordenadora da área de autuação da Infância e Juventude e Educação do Centro de Apoio Operacional do MP-GO, Cristiane Marques, disse que o órgão recebe a notícia do fechamento com bastante otimismo. “É um passo importante, não só porque vai impactar a condição dos adolescentes, mas também, porque, simbolicamente, demonstra uma nova nova diretriz”, afirma ela ao lembrar do ocorrido há dois anos. “Maior tragédia dentro de uma unidade socioeducativa no o Estado.”

Sobre o TAC, o acordo foi firmado entre o Estado, MP-GO, Tribunal de Justiça e Corregedoria-Geral de Justiça. Além da desativação de centros que funcionam em batalhão da Polícia Militar (o CIP fica na estrutura física do 7º BPM, no Jardim Europa, em Goiânia), estão previstas a construção e reforma de unidades de internação para atendimento a adolescentes infratores. “Era uma das cláusulas do TAC, a desativação dos CIPs alocados em unidades da PM. Ainda faltam algumas questões, como a construção de cinco unidades (algumas já começaram) e a reforma de outras cinco.”

 

Fonte/Créditos: Dia-on line

Créditos (Imagem de capa): Foto: Hugo Oliveira

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!